Diagnóstico

O diagnóstico das causas dos processos degenerativos articulares são feitos através de: história clínica, quando o paciente informa as características das suas queixas; e cuidadoso exame físico, quando o médico avalia o grau de limitação funcional e realiza as correlações com as informações colhidas.

As radiografias são importantes para determinar a extensão das lesões e orientar sobre as possíveis causas.

A ressonância nuclear magnética é definitiva no diagnóstico das necroses avasculares, impacto femoro-acetabular e lesões do labrum.

Outros exames de imagens como tomografia computadorizada e cintilografia óssea, podem ser solicitados para esclarecer sobre outras possíveis causas para o processo.


Não existem exames laboratoriais específicos para o diagnóstico do processo degenerativo por desgaste, no entanto, são fundamentais para o diagnóstico de outras causas de dor como das artrites infecciosas agudas e doenças inflamatórias crônicas (doenças autoimunes).

Após a avaliação clínica e ortopédica o médico deve analisar os resultados dos exames e indicar o que é melhor e mais correto para aliviar a dor do paciente.

 
novo endereço: Rua Félix da Cunha, 737, sala 305, Bairro Floresta, cep 90570-001
Porto Alegre/RS, Brasil. Tel: (51) 3395-5084 ou (51) 3268-8670